ISSN 2674-8053 | Receba as atualiza√ß√Ķes dos artigos no Telegram: https://t.me/mapamundiorg

Autor: Carolina Hissano Tazima

Carolina Hissano Tazima, londrinense, estudante de Rela√ß√Ķes Internacionais na ESPM-SP. √Č analista j√ļnior no N√ļcleo de Estudos e Neg√≥cios Asi√°ticos. Nutre um grande interesse pelas diversas culturas, especialmente a asi√°tica. Entusiasta das causas ambientais e dos direitos dos animais
Sociedade 5.0: o declínio populacional japonês e a robótica
Estudos, Jap√£o

Sociedade 5.0: o declínio populacional japonês e a robótica

¬∑ Os fatores que levaram √† redu√ß√£o da popula√ß√£o A popula√ß√£o japonesa em 2009 atingiu seu maior n√ļmero de habitantes. Chegou a‚ÄĮ127.340.884 milh√Ķes; desde ent√£o‚ÄĮeste‚ÄĮn√ļmero‚ÄĮvem decrescendo. Decorridos apenas‚ÄĮdez‚ÄĮanos, 2019 j√° apresenta uma queda populacional de aproximadamente 2 milh√Ķes de pessoas.‚ÄĮIsto causa‚ÄĮum grande impacto na economia e na sociedade como um todo, devido‚ÄĮ√†‚ÄĮredu√ß√£o da popula√ß√£o economicamente ativa e a consequente redu√ß√£o da m√£o-de-obra, e ao aumento da popula√ß√£o idosa. O ex-ministro da sa√ļde, Katsunobu Kato, anunciou que em 2017 nasceram apenas 946.060 crian√ßas, o menor n√ļmero registrado desde 1899. Em contrapartida, 1.340.433 japoneses faleceram. O escrit√≥rio de estat√≠sticas do Jap√£o estima que a popula√ß√£o diminuir√° para 100 milh√Ķes, ...