Europa

Nacionalismo das vacinas e suas implicações para a globalização
Europa

Nacionalismo das vacinas e suas implicações para a globalização

É evidente que quanto mais cooperação e solidariedade houver entre nações, mais rápido acabará a pandemia do Covid-19, sendo necessária a colaboração entre os Estados, para que assim as vacinas sejam disponibilizadas de forma rápida e eficaz para o maior número possível de países. Com o mundo cada vez mais interconectado por conta da interdependência complexa, onde a ação de cada ator impacta todo o sistema internacional, o que ocorreu em detrimento do Sars-coV-2 só será relativamente controlado com a imunização de uma parcela significativa da população mundial, uma vez que o vírus e as pessoas que o portam circulam de um lugar para o outro, possibilitando o surgimento de novas variantes. Contudo, com o crescente sentimento de nacionalismo exacerbado entre as nações, se desempenha, em...
O impacto da pandemia de Covid-19 sobre as desigualdades de gênero na Europa
Europa

O impacto da pandemia de Covid-19 sobre as desigualdades de gênero na Europa

Sendo uma doença com um grande poder de contágio, a Covid-19 espalhou-se por todo o mundo, interrompendo o funcionamento de diversas atividades da sociedade. Em toda a Europa, até o presente momento, o número de mortes ultrapassou mais de 1 milhão, deixando consequências severas na região. Toda essa interrupção, oferece uma oportunidade para mudança, mas também gera o risco de reversões significativas em certos aspectos do progresso social. Nesse contexto, a crise da Covid-19 reforçou as desigualdades de gênero em todas as idades, etnias e grupos sociais. O que já era um problema antes, principalmente em relação às mulheres se acentuou, representando retrocessos à décadas de direitos duramente conquistados. Os impactos econômicos da pandemia são inquestionáveis, e acabam afetando c...
Impactos da COVID-19 no Comércio Europeu
Europa

Impactos da COVID-19 no Comércio Europeu

Desde o início de 2020, o mundo foi acometido por uma grave crise sanitária devido à aparição do novo coronavírus, e depois da sua proliferação na China, diversos países tiveram que adequar suas economias a fim de atender melhor às necessidades da população. Dentre os continentes economicamente mais afetados no início da pandemia, encontra-se a Europa, que atualmente conta com cerca de 1.243.000 mortes. Entre os países com maior destaque de casos, está a Itália, que no início da pandemia, viu-se obrigada a entrar em um duro e rigoroso processo de lockdown. Tal medida preventiva contou com toque de recolher, fechamento total do comércio e proibição da circulação de pessoas em determinados locais. Outros países como França e Espanha também tiveram um enorme destaque para os casos de ...
Impactos do COVID-19 no Turismo Europeu
Europa

Impactos do COVID-19 no Turismo Europeu

Em 2019, o setor de viagem e turismo europeu contribuiu com 2.191 bilhões de dólares do PIB da Europa, segundo o Statista. Contudo, em 2020, com a eclosão da pandemia da COVID-19, o setor foi um dos mais afetados pelas medidas restritivas para a contenção do vírus, representando 1.064 bilhões de dólares do PIB europeu. Após aproximadamente um ano e meio, apesar da vigência do coronavírus, a Europa tenta reabrir suas fronteiras e, consequentemente, estimular o setor com o início da vacinação.  Antes da crise de saúde, em 2019, o setor de viagem e turismo representava 10,4% do PIB mundial com crescimento consecutivo no PIB europeu desde 2012, o que também refletiu na criação de empregos na Europa. Há aproximadamente 20 anos, o continente vem sendo o principal destino de viagens ...
A OTAN e as mudanças no equilíbrio do poder mundial
Europa, Organizações Internacionais, OTAN, Rússia

A OTAN e as mudanças no equilíbrio do poder mundial

Foto: REUTERS/Ints Kalnins No último dia 14 de junho, os chefes de governo dos 30 países aliados que compõem a OTAN se reuniram em Bruxelas. A leitura da declaração(1) conjunta proporciona uma boa compreensão de como a mais poderosa aliança militar da história vê a atual conjuntura mundial, quais são as ameaças que eles identificam e quais caminhos eles irão traçar em assuntos de defesa, sempre mantendo em vista as três tarefas fundamentais da Aliança: prover segurança coletiva, gerenciar crises e fortalecer a cooperação em segurança. Os aliados identificam ameaças provenientes de todas as direções estratégicas, representadas pela competição sistêmica de potências “autoritárias e assertivas”; terrorismo; atores estatais e não-estatais que atuam para minar a ordem internacional, o es...
A economia europeia com a crise do novo coronavírus
Europa

A economia europeia com a crise do novo coronavírus

Durante a pandemia do novo coronavírus, que teve seu pico em 2020, a Europa, assim como as outras partes do mundo, sofreu diversos efeitos, entre eles consequências macroeconômicas que continuam repercutindo, mesmo com avanços no combate à Covid-19. De acordo com dados do EuroStat de 2020, o Produto Interno Bruto (PIB) da União Europeia no ano caiu em 6,4% no total, e o da zona do euro em 6,8%. Esse colapso de 2020 supera a derrocada econômica causada pela crise de 2009, considerado o pior ano da crise financeira. Uma das razões que causaram essa queda brusca nos indicadores econômicos foi a restrição de isolamento social e os lockdowns impostos pelos governos europeus, como forma de conter a disseminação do vírus. Dessa forma, o impacto na economia da região trouxe efeitos negativos,...
Desemprego na Europa diante a crise
Europa

Desemprego na Europa diante a crise

O desemprego na Europa já vem sofrendo declínios  na sua economia , e com a crise financeira e econômica de 2008 e a ocorrência da pandemia no ano de 2019, atingiu as políticas de âmbitos sociais, de emprego e a economia mundial, foi desencadeado o aumento das taxas de desemprego em toda a Europa, porém apenas um país, a Espanha, se encontrou na posição onde sua taxa de desemprego estava acima de 10%, em 2012 esse número subiu para 12 países que ainda se encontram acima dessa porcentagem.  A partir disso, a União Europeia sempre teve como objetivo garantir que 75% das pessoas com idades entre 20 e 64 anos tivessem emprego até 2020.  Entre os anos de 2014 a 2019, a taxa de desemprego na Europa, chegou a atingir uma queda de 11,9% para 7,6%. Já no último ano, 2020, uma...
‘Ndrangheta: muito além do crime
Europa, Itália

‘Ndrangheta: muito além do crime

A máfia como um todo, surgiu no sul da Itália no período medieval. No entanto, algo similar, ainda é visível hodiernamente: a atividade dessas organizações criminosas sendo um dos grandes problemas de segurança e ordem pública enfrentados pelos Estados nacionais. Uma tentativa importante de combate a esse tipo de crime na região, foi a Operação Mãos Limpas (Mani pulite) em 1992, teve êxito, mas não definitivamente, sendo que instâncias jurídicas e penais foram transmutadas e aparelhadas de forma mais severa para assim combaterem o sistema mafioso, permitindo que a justiça italiana detivesse, julgasse e condenasse centenas de membros de organizações criminosas. Mesmo com a dura reação de seus chefes, a máfia se desgastou muito neste processo e viu-se desprovida de seu antigo prestígio....
Eleições na Espanha
Espanha, Europa

Eleições na Espanha

Na monarquia parlamentarista espanhola, em abril de 2019, eleições foram realizadas nas quais cinco dos 16 partidos políticos tiveram a chance de chegar ao governo. O Partido dos Trabalhadores Socialistas (PSOE, liderado por Pedro Sánchez), Partido Popular (PP, liderado por Pablo Casado), Cidadãos (liderado por Albert Rivera), Unidas Podemos (liderado por Pablo Iglesias) e o Vox (liderado por Santiago Abascal). Sabendo do seu sistema multipartidário, suas eleições funcionam com voto proporcional e em lista fechada, portanto, os votos são a favor do partido e inalteráveis (aumentando a dependência dos representantes dos seus partidos e líderes políticos). Tendo isso em vista, sabemos que embates políticos entre os partidos são comuns por terem ideologias distintas, além de rivalidades,...
Retrospectiva de Angela Merkel perante as eleições da República Federal Alemã de 2021
Alemanha, Europa

Retrospectiva de Angela Merkel perante as eleições da República Federal Alemã de 2021

Angela Merkel (Reuters) Há muito se discute sobre as novas eleições que estão previstas a ocorrer na Alemanha, no segundo semestre de 2021. Com o fim do mandato de Angela Merkel, que completou 12 anos como Chanceler da Alemanha, a preocupação com os resultados das novas eleições é cada vez maior no cenário político internacional contemporâneo. Nascida em Hamburgo em 1954, a líder alemã iniciou sua carreira no mundo da política em 1989 entrando no movimento Despertar Democrático, que durou até a reunificação da Alemanha Ocidental com a Alemanha Oriental em 1990. Merkel está no meio político até a atualidade. Entretanto, ela atingiu o seu maior nível de reconhecimento e poder apenas quando assumiu o cargo de chanceler da Alemanha pelo CDU, no ano de 2005. Angela Merkel é filiada aos p...