Focus Africa 2023

O primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sanchez, revelou no dia 29 de Março o plano que deu início com as conferências e debates no Palácio de Mônaco em Madrid. O Focus Africa 2023, baseado no Third Plan Africa,  promete um maior desenvolvimento no continente africano, aumentando o envolvimento econômico e a presença geral no continente. Obstáculos em comum como:  agricultura devastada, falta de empoderamento feminino, alto nível de emissão de gás carbônico e falta de emprego, fez com que o governo tomasse ações em conjunto aos stakeholders espanhóis, oferecendo incentivos para os investidores e empresas espanholas a se expandirem no continente Africano.

A distância entre os países faz com que as relações diplomáticas sejam facilitadas, tendendo a serem parceiros estratégicos. Mas, sabemos que o fator decisivo para a proximidade da Espanha com a África será o alto investimento espanhol no projeto, mostrando que sua contribuição à região é tão importante quanto suas demais relações diplomáticas, o que acaba sendo uma relação benéfica a ambos. O desenvolvimento da paz e segurança, o crescimento econômico inclusivo e resiliente, o poder institucional, o transporte ordenado regular e seguro, serão vistos como prioridades e consequentemente aumentam as oportunidades, principalmente para os países africanos.

Tendo em base a proposta do Third Plan Africa, quadro estratégico que guia as relações espanholas com o continente africano, é defendida uma reaproximação baseada em compartilhamento de interesses, além do amplo consenso do governo espanhol com participação das empresas e investidores operando na região. A diminuição migratória foi um tema abordado e exige uma atenção prioritária pelo fato de refletir a uma análise em que existem mais oportunidades e empregabilidade provenientes do desenvolvimento econômico. Esse quadro atrai mais parceiros e stakeholders interessados em investir nas indústrias na África ou apenas na economia dos países.

Com essa nova interação, empresas espanholas ganham um novo mercado, repleto de oportunidades e investimentos, que ao serem inseridas na região estão adeptas aos benefícios do afCFTA (África Continental Free Trade Area) garantindo uma livre circulação de mercadorias dentro do continente. A partir dessas, países como o Reino Unido estão se voltando para a região em crescimento e pretendem fortalecer os laços econômicos; são foco de interesse na esfera econômica os paises: Tanzania, Kenya, Uganda, Ruanda, Gana, Egito, Algeria, Côte d’Ivoire, Marrocos e Senegal; sendo Marrocos e Senegal os países pilotos.

 Inicialmente no ano de 2019 as exportações entre Espanha e África chegaram a  €19 bilhões, equivalente a 19% das exportações do país fora da União Europeia; já as importações feitas pela Espanha da África chegaram a €27 bilhões no mesmo ano. O primeiro-ministro da Espanha citou  que o continente africano poderia contar com o apoio espanhol em assuntos na União Europeia.

Consequentemente, o Focus Africa 2023, pode vir a resultar no desenvolvimento do continente nos polos econômico, comercial, humano e político. Um desfecho como esse é muito esperado, pois deste modo, desafios vão se desencadear, possibilitando o progresso do continente e aumentando as possibilidades de relações diplomáticas e comerciais com os outros países ou continentes. Em relação aos orçamentos do projeto, não há nada disponível sobre , apenas planejamentos de desenvolvimento econômico para o continente africano. Esses planejamentos resultam numa maior atração de países estrangeiros no engajamento econômico da África, o que faz com que a economia gire e possibilite uma melhor qualidade de vida para todos os indivíduos de forma gradual pelo território.

WHITE, Tamara e Holtz, Leo. Africa in the news: Africa-Spain relation, technology opportunities in Kenya and South Africa, and attacks in Mozambique. Brookings, 3 abr. 2021. Disponível em:

https://www.brookings.edu/blog/africa-in-focus/2021/04/03/africa-in-the-news-africa-spain-relati ons-technology-opportunities-in-kenya-and-south-africa-and-attacks-in-mozambique/ . Acesso em 7 abr. 2021.

GOBIERNO DE ESPAÑA. Agenda 2030: Focus Africa 2023. Março 2021. Disponivel em: http://www.exteriores.gob.es/Portal/es/SalaDePrensa/ElMinisterioInforma/Documents/ENG%20 RES%20EJECUTIVO%20FOCO%20AFRICA%202023.pdf .Acesso em 7 abr. 2021.

GOBIERNO DE ESPAÑA. 3rd plan África. España y África: desafío y oportunidad. Disponível em:

http://www.exteriores.gob.es/Portal/en/PoliticaExteriorCooperacion/Africa/Paginas/III-Plan-Afri ca.aspx. Acesso em 7 abr. 2021.

Autores Gabriel Arcanjo e Luiza Abate, pesquisadores do NENE/ESPM

+ posts

O Núcleo de Estudos e Negócios Europeus (NENE) está ligado ao Centro Brasileiro de Estudos de Negócios Internacionais & Diplomacia Corporativa (CBENI) da ESPM-SP. Foi criado considerando a necessidade de estimular a comunidade acadêmica brasileira e latino-americana a compreender melhor suas relações com os europeus, buscando compreender e aprofundar a Parceria Estratégica Brasil – União Europeia.