ISSN 2674-8053

Espanha

Eleições na Espanha
Espanha, Europa

Eleições na Espanha

Na monarquia parlamentarista espanhola, em abril de 2019, eleições foram realizadas nas quais cinco dos 16 partidos políticos tiveram a chance de chegar ao governo. O Partido dos Trabalhadores Socialistas (PSOE, liderado por Pedro Sánchez), Partido Popular (PP, liderado por Pablo Casado), Cidadãos (liderado por Albert Rivera), Unidas Podemos (liderado por Pablo Iglesias) e o Vox (liderado por Santiago Abascal). Sabendo do seu sistema multipartidário, suas eleições funcionam com voto proporcional e em lista fechada, portanto, os votos são a favor do partido e inalteráveis (aumentando a dependência dos representantes dos seus partidos e líderes políticos). Tendo isso em vista, sabemos que embates políticos entre os partidos são comuns por terem ideologias distintas, além de rivalidades,...
Focus Africa 2023
Espanha, Europa

Focus Africa 2023

O primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sanchez, revelou no dia 29 de Março o plano que deu início com as conferências e debates no Palácio de Mônaco em Madrid. O Focus Africa 2023, baseado no Third Plan Africa,  promete um maior desenvolvimento no continente africano, aumentando o envolvimento econômico e a presença geral no continente. Obstáculos em comum como:  agricultura devastada, falta de empoderamento feminino, alto nível de emissão de gás carbônico e falta de emprego, fez com que o governo tomasse ações em conjunto aos stakeholders espanhóis, oferecendo incentivos para os investidores e empresas espanholas a se expandirem no continente Africano. A distância entre os países faz com que as relações diplomáticas sejam facilitadas, tendendo a serem parceiros estratégic...
Confúcio e o Corona Vírus
China, Coréia do Sul, Espanha, Estados Unidos, Europa, Itália, Japão

Confúcio e o Corona Vírus

A man stands in a nearly empty street during the Chinese New Year holiday this week in Beijing, China. Getty Images Polemizando... Tempos bicudos os nossos, de controvérsias, “fake news”, antagonismos e, sobretudo, de muita incompreensão. Trancado em casa, li a matéria – “Uma guerra global” - que o cronista Lourival Sant´ Anna publicou no Estadão do dia 29/03 a respeito das divisões entre os países quanto às diferentes maneiras pelas quais eles estão enfrentando a tragédia. Ele fez a seguinte observação sobre como o leste da Ásia está conseguindo curvar a epidemia mais rapidamente que o Ocidente: “...não foi preciso obrigar a nada: o bom senso prevaleceu na população e seus líderes religiosos, que não resistiram a suspender suas atividades”... Por que isto está acontecendo? Es...