Núcleo de Estudos e Negócios Europeus

O Núcleo de Estudos e Negócios Europeus (NENE) está ligado ao Centro Brasileiro de Estudos de Negócios Internacionais & Diplomacia Corporativa (CBENI) da ESPM-SP. Foi criado considerando a necessidade de estimular a comunidade acadêmica brasileira e latino-americana a compreender melhor suas relações com os europeus, buscando compreender e aprofundar a Parceria Estratégica Brasil – União Europeia.
Eleições na Espanha
Espanha, Europa

Eleições na Espanha

Na monarquia parlamentarista espanhola, em abril de 2019, eleições foram realizadas nas quais cinco dos 16 partidos políticos tiveram a chance de chegar ao governo. O Partido dos Trabalhadores Socialistas (PSOE, liderado por Pedro Sánchez), Partido Popular (PP, liderado por Pablo Casado), Cidadãos (liderado por Albert Rivera), Unidas Podemos (liderado por Pablo Iglesias) e o Vox (liderado por Santiago Abascal). Sabendo do seu sistema multipartidário, suas eleições funcionam com voto proporcional e em lista fechada, portanto, os votos são a favor do partido e inalteráveis (aumentando a dependência dos representantes dos seus partidos e líderes políticos). Tendo isso em vista, sabemos que embates políticos entre os partidos são comuns por terem ideologias distintas, além de rivalidades,...
Retrospectiva de Angela Merkel perante as eleições da República Federal Alemã de 2021
Alemanha, Europa

Retrospectiva de Angela Merkel perante as eleições da República Federal Alemã de 2021

Angela Merkel (Reuters) Há muito se discute sobre as novas eleições que estão previstas a ocorrer na Alemanha, no segundo semestre de 2021. Com o fim do mandato de Angela Merkel, que completou 12 anos como Chanceler da Alemanha, a preocupação com os resultados das novas eleições é cada vez maior no cenário político internacional contemporâneo. Nascida em Hamburgo em 1954, a líder alemã iniciou sua carreira no mundo da política em 1989 entrando no movimento Despertar Democrático, que durou até a reunificação da Alemanha Ocidental com a Alemanha Oriental em 1990. Merkel está no meio político até a atualidade. Entretanto, ela atingiu o seu maior nível de reconhecimento e poder apenas quando assumiu o cargo de chanceler da Alemanha pelo CDU, no ano de 2005. Angela Merkel é filiada aos p...
Relação União Europeia e China
Ásia, China, Europa, Organizações Internacionais, União Europeia

Relação União Europeia e China

A União Europeia é uma das principais parceiras econômicas da República Popular da China, e vice-versa. Levando em consideração a sua meta de evoluir para uma economia sustentável, a China precisa subir na cadeia de valor e incentivar seu mercado interno, logo, necessita de todo apoio que lhe for possível. O bloco europeu é um parceiro fundamental para a China, tanto no âmbito das importações e exportações, quanto em matéria de investimento, já que é destino e fonte de investimento direto estrangeiro, uma vez que a China busca um ambiente estável e juridicamente seguro. Além disso, discutem e cooperam a respeito de política externa, segurança, prosperidade, desenvolvimento sustentável e intercâmbio de pessoas.  Em primeiro lugar, a UE e a China organizam, anualmente, um diálog...
“Scoxit” está a vista! ou será que não?
Escócia, Europa, Reino Unido

“Scoxit” está a vista! ou será que não?

No dia 6 de abril, os escoceses foram às urnas para formar a composição do parlamento. O separatista Partido Nacional Escocês (SNP), o mesmo da atual primeira ministra Nicola Sturgeon, que rendeu um quarto mandato consecutivo para o partido com essa vitória, conseguiu um total de 64 cadeiras das 129 existentes no parlamento. O também separatista Partido Verde Escocês conseguiu 8 cadeiras, formando assim um bloco de 72 parlamentares pró independência, cuja principal plataforma é a própria saida do Reino Unido e o retorno para a União Europeia. A primeira ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, telefonou para o premiê britânico Boris Johnson pouco após o resultado, no telefonema afirmou a ele que agora o referendo de independência é uma questão de quando e não de se, afirmou também que...
Reeleição do primeiro-ministro dos Países Baixos e dificuldade de coalizão
Países Baixos

Reeleição do primeiro-ministro dos Países Baixos e dificuldade de coalizão

ANP/Picture Alliance Durante as eleições holandesas, que ocorreram em março de 2021, o líder do partido liberal de direita (VVD), Mark Rutte, foi reeleito com apoio popular para seu quarto mandato como primeiro-ministro do país, mesmo após ter renunciado ao cargo em janeiro do mesmo ano. Contudo, durante o processo de formação das alianças, houve desavenças quanto às novas coligações entre os partidos. Tais atritos vieram à tona a partir de recentes acusações feitas no início de 2021 sobre Mark Rutte, as quais apontavam mentiras feitas por ele durante a busca para formar a coligação de governo. Uma ministra de seu partido teve anotações vazadas, principalmente a respeito do deputado democrata-cristão Pieter Omtzigt, nas quais dizia que este poderia ser um problema devido às suas crí...
Kosovo-Sérvia: qual o papel da União Europeia no conflito?
Organizações Internacionais, Sérvia, União Europeia

Kosovo-Sérvia: qual o papel da União Europeia no conflito?

Karsten Koall/GEtty Images Tanto Kosovo quanto a Sérvia buscam entrar na União Europeia. Contudo, o longo histórico de conflitos entre os territórios os impede de concretizar sua adesão, principalmente a Sérvia, que já tem adotado mudanças constitucionais exigidas pela UE. A partir disso, o bloco europeu media as discussões entre os países na tentativa de apaziguar a situação. Kosovo fazia parte do Império Sérvio na Idade Média por volta do século XIV. Contudo, no fim desse século, o Império Otomano conquistou os Bálcãs na Batalha de Kosovo em 1389. Com sua independência dos Otomanos reconhecida em 1878, o Reino Sérvio anexou Kosovo ao seu território, mas ambos foram rapidamente integrados à Iugoslávia após a Primeira Guerra. Na década de 1980, com a desintegração da Iugoslávia, os ...
Genocídio armênio é reconhecido pelos Estados Unidos
Armênia, Ásia

Genocídio armênio é reconhecido pelos Estados Unidos

Membros da diáspora armênia em frente da embaixada turca nos EUA. 24/4/2021. (REUTERS) Recentemente, o atual presidente dos EUA, Joe Biden, reconheceu o genocídio armênio, o que desencadeou alguns desentendimentos entre o presidente norte-americano e o turco. Afinal, ambos países são membros da OTAN (Tratado do Atlântico do Norte), isto é, têm uma relação no que diz respeito a questão militar e, o reconhecimento não foi visto com bons olhos pela Turquia, chegando a ser taxada como ato capaz de “ferir” e “danificar” as relações no que tange a organização militar. Outro fator que corroborou para o clima ter ficado um pouco mais quente foi o conflito ocorrido nos meses de setembro e outubro de 2020 entre a Armênia e o Azerbaijão, na região de Nagorno-Karabakh, onde a Turquia apoiou o g...
Ascensão do Autoritarismo na Polônia
Europa, Polônia

Ascensão do Autoritarismo na Polônia

No dia 31 de março de 2021 a comissão da União Europeia (UE) solicitou ao Tribunal de Justiça Europeu (TJE) que convocasse o governo polonês a prestar esclarecimento sobre a lei estabelecida no país no ano de 2019, que propunha uma mudança, uma espécie de reforma no poder Judiciário, que criaria uma correção disciplinar de acordo com ações desses juízes, sendo que esses profissionais poderiam ter até mesmo seus salários reduzidos. A UE alega que esse movimento prejudica a autonomia do poder judiciário. A Polônia, assim como a Hungria, é acusada de cometer uma série de infrações contra os preceitos que regem as decisões da EU. Vale ressaltar algumas formas de violações que são cometidas, entra elas ataques contra a mídia, aumento de impostos sobre veículos independentes e restrições...
Tendências do Governo Suíço Frente ao Aumento da População Muçulmana
Suíça

Tendências do Governo Suíço Frente ao Aumento da População Muçulmana

A postura da Suíça frente ao aumento de imigrantes muçulmanos em seu território vem sendo cada vez mais atribuída como conservadora ou reacionária, por demonstrar gradativamente maiores tendências nacionalistas com relação à chegada de novas etnias. A crescente entrada de muçulmanos no país trouxe como reação movimentos contrários ao estabelecimento e prática de culturas advindas do Oriente Médio por parte do Estado suíço. O país, cuja história contemporânea é marcada pela imigração e emigração de populações diversas, e por boas relações com seus vizinhos apesar de não ser um membro da UE, tem aproximadamente 20% da população composta por estrangeiros, uma das maiores porcentagens de qualquer país, incluindo refugiados e trabalhadores com residência permanente. Dentre as principais...
Focus Africa 2023
Espanha, Europa

Focus Africa 2023

O primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sanchez, revelou no dia 29 de Março o plano que deu início com as conferências e debates no Palácio de Mônaco em Madrid. O Focus Africa 2023, baseado no Third Plan Africa,  promete um maior desenvolvimento no continente africano, aumentando o envolvimento econômico e a presença geral no continente. Obstáculos em comum como:  agricultura devastada, falta de empoderamento feminino, alto nível de emissão de gás carbônico e falta de emprego, fez com que o governo tomasse ações em conjunto aos stakeholders espanhóis, oferecendo incentivos para os investidores e empresas espanholas a se expandirem no continente Africano. A distância entre os países faz com que as relações diplomáticas sejam facilitadas, tendendo a serem parceiros estratégic...